quarta-feira, 7 de outubro de 2009

...

Passou uma semana desde que soubemos que tinhas partido. A dor ainda é muito forte, as saudades imensas e vão ser cada vez maiores pois sabemos que, pelo menos nesta vida, não nos voltaremos a encontrar. Mas como dizia ontem o Frei, temos que lembrar-te pelo amor que tinhas por nós, e sabemos que era muito, e celebrar esse amor. E é esse amor e todas as memórias que temos tuas, que vão encher os nossos corações quando os nossos olhos insistirem em encher-se de lágrimas. E um dia as lágrimas darão lugar a sorrisos porque as coisas boas recordam-se com sorrisos.
Um beijo

9 comentários:

Marlene e Simão disse...

Minha querida,
Ainda é cedo para atenuar a dor.
Mas por vezes faz bem deixar as lágrimas cair...
Um beijinho com carinho.

pedradababy disse...

Paula, não sabia... tenho andado mesmo fora do ar. Deixo-te um beijinho muito grande e os meus verdadeiros sentimentos. Não é fácil perdermos quem amamos mas, realmente estou de acordo com o que escreveste, o caminho que nos resta é mesmo o da elevação da alma dos que nos deixaram na saudade.
Beijinho grandeeeee e força!

p.s.: estive a ver as fotos e o teu Henrique continua lindissimo

gaiatA disse...

Chorar faz parte.. estamos a relembrar o quão bem n0s fazia..

Um beijo *

Sara disse...

Olha querida, só te posso deixar um grande beijo de mta força.

Maria José disse...

Beijo grande

Rute Santos disse...

Força linda...


Bjs nossos

Silvia disse...

Minha Paula, és das pessoas mais fortes, tranquilas e doces que conheço. Consegues revelar todas estas qualidades ao mesmo tempo. Há coisas que doem muito. A morte, a saudade, o não ver mais, o nunca mais. Mas um dia todos nos encontraremos, num lugar lindo e superior a tudo isto. Isso é o que muitas vezes me reconforta. Estou cá todos os dias ao pé de ti para te dar o meu ombro, o meu abraço, toda o amor de amiga que ganhei por ti. Silvia.

Sara disse...

Olá Paulinha! Obrigada por te teres lembrado dos 18 meses da Inês. Eu hoje não estou em Lx pelo que mesmo que quisesse n podia ir ter com vocês... tens de me explicar melhor o que é isso que vão fazer.

Beijinhos
Sara

Mónica Ávila disse...

Um beijo muito grande, Paula. Unidos na dor e unidos no Amor. Assim será!