segunda-feira, 30 de junho de 2008

Manias

Quando fomos para o hospital não contávamos passar lá a noite e eu não tinha mais do que uma muda de roupa para além da que ele trazia vestida, e uma fralda, que estava no ovo para evitar que o sol o incomodasse. Como me pareceu que ele se estava a sentir estranho na cama do hospital, pus-lhe a fralda ao lado da cara, por debaixo do braço para que sentisse um pouco o cheiro das suas coisas e ele lá ficou agarradinho à dita. Desde esse dia, não há melhor forma de o pôr a dormir, de dia e de noite. E o resultado é este:


A minha irmã dizia a semana passada que nunca imaginou que um filho meu fosse ter a "mania da fralda"... Pois, nem eu... Mas quem é que lhes controla as manias?

4 comentários:

Maria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria disse...

O rapaz lá de casa tb desde pequeno que precisa sempre da fralda para dormir!

Mete-a sempre debaixo do pescoço e esfregasse nela!

De há 1 ano para cá, que escolhe as fraldas, já não pode ser qq uma, tem que ser as que foram mais usadas, porque estão mais moles e mais macias!!! Manias!

O Henrique não foge à regra, fica lindo enrolado na fralda!

Bjs grandes!

gaiatA disse...

Eu tentei pôr essa mania na Érica e ela não g0stou.. fica aflita.

Mas fica LINDO :D

pat07 disse...

Poderia ser a Inês, ela tb adora e adormece sozinha com a fralda ;)